*Sejam*Bem-Vindos* A Morada Suprema do Amor a Deus *

Janeiro 02 2016

image.png

image.jpeg

image.jpeg 

Krishna diz ao seu muito amado discípulo Arjuna, que neste esforço, não há perda nem diminuição, e um pequeno progresso neste caminho pode proteger a pessoa do mais perigoso tipo de medo.

**********************************

A atividade em consciência de Krishna, ou agir para o benefício de Krishna sem exigir em troca a satisfação dos sentidos, é a mais elevada qualidade transcendental do trabalho. Não há impedimento para tal atividade, mesmo que tenha sido apenas um pequeno começo, tampouco pode-se perder este serviço em etapa alguma. Qualquer trabalho iniciado no plano material deve ser completado, caso contrário, toda a tentativa se torna um fracasso. Mas qualquer trabalho iniciado em consciência de Krishna tem efeito permanente, mesmo inacabado. Portanto, quem executa esse trabalho não sai perdendo, mesmo que seu trabalho em consciência de Krishna esteja incompleto. Um por cento feito em consciência de Krishna produz resultados permanentes, de modo que se começa em seguida a partir do ponto de dois por cento, enquanto a atividade material sem um sucesso de cem por cento não dá lucro. Ajāmila cumpriu seu dever com alguma porcentagem de consciência de Krishna, mas pela graça do Senhor, o resultado que ele obteve no final foi de cem por cento.

A este respeito, há um belo exemplo dado na própria escritura sagrada dos Vedas onde ali se menciona a seguinte quetão: 

“Se alguém abandona seus deveres ocupacionais e age em consciência de Kṛṣṇa e então cai, sem completar seu trabalho, que tem ele a perder? E que ganhará alguém se executar perfeitamente suas atividades materiais?” Ou, como dizem os cristãos: “Que adianta um homem ganhar o mundo todo mas perder sua alma eterna?”

As atividades materiais e seus resultados cessam quando o corpo acaba. Mas o trabalho em consciência de Krishna nos trás de volta à consciência de Krishna, mesmo após a perda do corpo. Temos pelo menos a certeza de que, na próxima vida, vamos nascer de novo como ser humano, ou na família de um grande brāhmana (monge) culto, ou numa família rica e aristocrática, condições essas que nos darão mais uma oportunidade de elevar-nos. Esta é a qualidade única do trabalho feito em consciência de Krishna.

*********************************

Ter forte fé em que, pela consciência de Kṛṣṇa, a pessoa eleva-se à mais alta perfeição da vida chama-se inteligência. 

Fé significa confiança inabalável em algo sublime. Quando alguém está ocupado nos deveres da consciência de Krishna, não precisa agir em função do mundo material, como se tivesse obrigações para com as tradições familiares, a humanidade ou a nacionalidade. Ocupa-se em atividades fruitivas quem está sujeito às reações de atos passados, bons ou maus. Quando está envolvida na consciência de Krishna, a pessoa não precisa continuar esforçando-se por alcançar os bons resultados de suas atividades. Quando se está situado em consciência de Krishna, todas as atividades estão no plano absoluto, pois deixaram de se sujeitar às dualidades boas e más. A maior perfeição da consciência de Krishna é a renúncia à concepção de vida material. Este estado é obtido automaticamente à medida que se progride em consciência de Krishna.

O propósito resoluto de alguém consciente de Krishna baseia-se no conhecimento. Uma pessoa em consciência de Krishna é uma alma piedosa raramente encontrada, e que sabe perfeitamente que Krishna, é a raiz de todas as causas manifestas. Assim como quem rega a raiz da árvore automaticamente distribui água às folhas e galhos, da mesma forma, quem age em consciência de Krishna pode prestar o maior serviço a todos - a saber, a si mesmo, à sociedade, ao país, à humanidade, etc. Se Krishna ficar satisfeito com as ações de alguém, então todos ficarão satisfeitos.

No entanto, o serviço na consciência de Krishna é mais bem praticado sob a guia competente de um mestre espiritual que seja um representante genuíno de Krishna, que conheça a natureza do estudante e que possa guiá-lo a agir em consciência de Krishna. E assim, para ser versada em consciência de Krishna, a pessoa tem de agir firmemente e obedecer ao representante de Krishna, e deve aceitar a instrução do mestre Espiritual genuíno como a missão de sua vida. Em suas famosas orações, o Mestre Espiritual genuíno nos dá a seguinte instrução ao se orar ao próprio Mestre Espiritual:

“Com a satisfação do mestre Espiritual, a Suprema Personalidade de Deus fica satisfeito. E quem não satisfaz o mestre espiritual não tem possibilidade de ser promovido ao plano da consciência de Krishna. Devo, portanto, meditar em sua misericórdia e implorá-la três vezes por dia, e oferecer minhas respeitosas reverências a ele, meu mestre espiritual.”

Entretanto, este processo todo depende do conhecimento perfeito da alma além da concepção do corpo - não em teoria, mas na prática, quando não há possibilidade alguma de gozo dos sentidos manifestado nas atividades fruitivas. Aquele cuja mente não está firmemente fixa é desviado pelos vários tipos de ações fruitivas.

**********************************

Por outro lado na vida dos grandes devotos do Senhor, existem muitos bons exemplos daqueles que se tornaram indiferentes aos rituais dos Vedas pelo simples fato de adotarem o serviço devocional ao Senhor. Ao compreender Krishna e sua relação com Krishna como algo concreto, é natural que, mesmo sendo um brāhmana (monge) experiente, a pessoa fique indiferente aos rituais das atividades fruitivas. 

Um grande devoto na linha devocional faz a seguinte descrição sobre este fato dizendo:

“Ó orações que ofereço três vezes ao dia, todas as glórias a vocês. Ó banho, ofereço-lhe minhas reverências. Ó semideuses! Ó antepassados! Por favor, perdoem minha incapacidade de oferecer-lhes meus respeitos. Mas onde quer que me sente agora, posso lembrar-me do grande descendente da dinastia Yadu (Krishna) o inimigo de Kamsa, e com isso posso livrar-me de todo o cativeiro pecaminoso. Acho que isto me é suficiente.”

Os ritos e rituais védicos são compulsórios para os neófitos: oferecer orações três vezes ao dia, tomar banho de madrugada, prestar respeitos aos antepassados, etc. Mas quando alguém está em plena consciência de Krishna e ocupa-se em Seu serviço transcendental amoroso, torna-se indiferente a todos estes princípios reguladores porque já alcançou a perfeição. Se através do serviço ao Supremo Senhor Krishna, a pessoa pode alcançar a plataforma de compreensão, ela não precisa continuar executando as diferentes classes de penitências e sacrifícios recomendados nas escrituras reveladas. E por outro lado, se a pessoa não compreendeu que o propósito dos Vedas é alcançar Krishna e simplesmente ocupa-se nos rituais, etc., então ela está só perdendo tempo nessas ocupações. Quem é consciente de Krishna transcende todo o limite de da esfera de ação dos Vedas e assim torna-se plenamente consciente de Krishna a Suprema Personalidade de Deus.

Como Krishna mesmo afirma isso dizendo:

Quando a mente deixar de se perturbar pela linguagem florida dos Vedas, e quando se fixar no transe da auto-realização, então ela terá atingido a consciência divina mais elevada do patamar Espiritual.

image.png

image.jpeg

image.jpeg

 

publicado por Lalanesha Dasa às 12:32

Este Album abaixo, esta para download gratuitamente é só clicar no ícone ( Lalanesha in Concert Mantras )