*Sejam*Bem-Vindos* A Morada Suprema do Amor a Deus *

Abril 06 2017

IMG_7132.JPG

 A Suprema Personalidade de Deus Krishna disse:

Eu sou o tempo, o grande destruidor dos mundos, e vim aqui para destruir toda ou qualquer atividade demoníaca. Com a exceção de vocês Meus queridos devotos imaculados.

Embora soubesse que Krishna era seu amigo e a Suprema Personalidade de Deus, Arjuna estava perplexo com as várias formas que Krishna tinha lhe mostrado. Por isso, ele então perguntou sobre a verdadeira missão desta força devastadora. Está escrito nos Vedas que a Verdade Suprema destrói tudo, até mesmo os brāhmanas sacerdotes. Neste contexto Krishna demonstra que Ele é o tempo que tudo devora com a seguinte conclusão.

Chegará então o momento em que o Supremo devorará todos os brāmanas, kṣatriyas (guerreiros) e todos os outros como se eles fossem uma refeição. Esta forma do Senhor Supremo é o gigante que devora tudo, e aqui Krishna Se apresenta como o tempo que a tudo devora. Com a exceção de alguns dos Seus mais queridos amigos e devotos, todos os que estavam presentes naquele campo de batalha seriam devorados por Ele.

 Arjuna não era a favor da luta, e achava que era melhor não lutar, pois assim não haveria frustração. Respondendo, o Senhor diz que, mesmo que os outros não lutassem, todos eles seriam destruídos, pois esse era o Seu plano. Se Arjuna se esquivasse da luta, eles sofreriam outro tipo de morte. A morte não poderia ser detida, mesmo que ele não lutasse. De fato, eles já estavam mortos. O tempo é a destruição, e todas as manifestações acabarão sendo aniquiladas pelo desejo do Senhor Supremo. Esta é a lei da natureza. 

Então Krishna energicamente insitou Arjuna desta maneira:

Portanto, levante-se. Prepare-se para lutar e conquistar a glória. Vença seus inimigos e desfrute um reino próspero. Por Meu arranjo, eles já estão mortos, pois você, é apenas um instrumento na luta.

Quando Krishna disse “Torne-se um simples instrumento”: Esta expressão é muito significativa. O mundo todo se move conforme o plano da Suprema Personalidade de Deus. Pessoas tolas, que não têm conhecimento suficiente, pensam que a natureza funciona sem um plano e que todas as manifestações não passam de formações acidentais. Há muitos supostos governantes politicos hipócritas que sugerem que talvez seja isso, ou quem sabe, aquilo, mas “talvez” e “pode ser” estão fora de cogitação. Há um plano específico sendo executado neste mundo material. Qual é esse plano? Esta manifestação cósmica é uma oportunidade para as almas condicionadas retornarem ao Supremo, retornarem ao lar. Enquanto tiverem a mentalidade dominadora que faz com que tentem assenhorear-se da natureza material, elas estarão condicionadas. Mas qualquer um que possa compreender o plano do Senhor Supremo e cultivar a consciência de Krishna é muito inteligente. A criação e a destruição da manifestação cósmica estão sob a direção superior de Deus. Assim, essa Batalha de Kurukṣetra da qual Krishna era o mentor Supremo, foi travada segundo o plano de Deus. Arjuna se recusava a lutar, mas lhe foi dito que ele deveria lutar conforme o desejo do Senhor Supremo. E ele então seria feliz. Perfeito é aquele que está em plena consciência de Krishna e dedica sua vida ao serviço transcendental do Senhor.

Todos os planos são feitos pela Suprema Personalidade de Deus, mas Ele é tão bom e misericordioso para com Seus devotos que quer dar o mérito a Seus devotos que executam Seu plano segundo Seu desejo. Portanto, a vida deve funcionar de tal modo que todos ajam em consciência de Krishna e busquem um Mestre Espiritual que lhes transmita ensinamentos acerca da Suprema Personalidade de Deus. Por Sua misericórdia podemos compreender Seus planos, e os planos dos devotos estão no mesmo nível que os do Senhor. Todos devem seguir esses planos e sair vitoriosos na luta pela existência.

 

Como se explica aqui através desta matéria da qual Krishna introduz Sua condição como sendo o tempo que tudo devora, devido à situação criada pela forma universal da Suprema Personalidade de Deus, Arjuna ficou perplexo e atônito so ver tais manifestações e então, ele começou a oferecer respeitosas reverências repetidas vezes a Krishna, e com uma voz vacilante começou a orar, não como amigo, mas como um devoto maravilhado.

"Ó senhor dos sentidos, o mundo se regozija ao ouvir Seu nome, e assim todos se apegam a Você. Embora os seres perfeitos Lhe ofereçam suas respeitosas homenagens, os demônios têm medo, e fogem de um lado para o outro. Tudo isto se faz de forma justa."

"Ó pessoa grandiosa, maior até mesmo do que Brahmā, Você é o criador original. Por que então deveriam eles furtar-se de oferecer-Lhe suas respeitosas reverências? Ó ilimitado, Deus dos deuses, refúgio do Universo! Você é a fonte invencível, a causa de todas as causas, transcendental a esta manifestação material. "

"Você é a Personalidade de Deus original, o mais velho, o santuário definitivo deste mundo cósmico manifestado. Você é o conhecedor de tudo e é tudo o que é cognoscível. Você é o refúgio supremo, situado acima dos modos materiais. Ó forma ilimitada! Esta manifestação cósmica inteira é penetrada por Você!"

"Você é o ar e o controlador supremo! Você é o fogo, a água e a Lua! Você é Brahmā, a primeira criatura viva, e é o bisavô. Portanto, faço questão de oferecer-Lhe mil vezes minhas respeitosas reverências, e volto a oferecê-las mais e mais vezes."

"Ofereço-Lhe reverências de frente, de trás e de todos os lados! Ó poder incomensurável, Você é o Senhor cujo poder não conhece limites! Você é onipenetrante e, portanto, Você é tudo! "

"Você é o pai desta manifestação cósmica completa, do móvel e do imóvel. Você é o seu líder adorável, o mestre espiritual supremo. Ninguém é maior que Você, e tampouco pode alguém ser uno com Você. Como então pode haver alguém dentro dos três mundos maior do que Você, ó Senhor de poder imensurável? "

"Você é o Senhor Supremo, digno de adoração por todos os seres vivos. Então, eu me prostro para Lhe oferecer minhas respeitosas reverências e pedir Sua misericórdia. Assim como o pai tolera a insolência de seu filho, ou um amigo tolera a impertinência do amigo, ou uma esposa tolera a familiaridade de seu parceiro, por favor, tolere qualquer injustiça que eu acaso tenha cometido contra Você."

"Após ver esta forma universal que jamais havia visto, sinto-me satisfeito, mas ao mesmo tempo, minha mente está perturbada pelo medo. Por isso, por favor, conceda-me Sua graça e revele novamente Sua forma como a Personalidade de Deus, ó Senhor dos senhores, ó morada do Universo."

"Ó forma universal, ó Senhor de mil braços, desejo vê-lO em Sua forma de quatro braços, com elmo na cabeça e com maça, disco, búzio e flor de lótus em Suas mãos. Anseio por ver Você nesta forma."

Então a Suprema Personalidade de Deus disse:

Meu querido Arjuna, com prazer lhe mostrei, através de Minha potência interna, esta forma universal suprema dentro do mundo material. Antes de você, ninguém jamais viu esta forma primordial, ilimitada e plena de refulgência deslumbrante. A Suprema Personalidade de Deus, Krishna, tendo falado essas palavras a Arjuna, manifestou Sua verdadeira forma de quatro braços e por fim mostrou Sua forma de dois braços, encorajando assim o amedrontado Arjuna. 

Originalmente a Suprema Personalidade de Deus tem duas mãos. E também se demonstra que aqueles que zombam de Krishna como se Ele fosse uma pessoa comum, ignoram Sua natureza divina. Se Krishna fosse um ser humano comum, como então Lhe seria possível mostrar a forma universal e depois mostrar a forma de Nārāyaṇa de quatro braços? Assim, afirma-se mui claramente no Bhagavad-Gītā que aquele que pensa que Krishna é uma pessoa comum e que desencaminha o leitor, dizendo que é o Espirito Supremo impessoal dentro de Krishna que fala, comete a maior das injustiças. É um fato verdadeiro que Krishna mostrou Sua forma universal e Sua forma de Vishnu de quatro braços. Logo, como pode ser Ele um ser humano comum? O devoto puro não se deixa confundir por aqueles que deturpam o sentido do Bhagavad-Gītā, pois ele entende do assunto. Os versos originais do Bhagavad-Gītā são tão claros como o sol.

Alguém que tem devoção inabalável ao Senhor Supremo e é dirigido pelo Mestre Espiritual, no qual ele tem a mesma fé inabalável, pode ver a Suprema Personalidade de Deus por revelação. Ninguém pode entender Krishna através da especulação mental. Quem não recebe treinamento pessoal sob a orientação de um Mestre Espiritual autêntico não pode nem mesmo começar a entender Krishna, pois nenhum outro processo pode ser usado, pode ser recomendado, ou pode ser bem-sucedido para se compreender Krishna.

“A Suprema Personalidade de Deus é Krishna, que tem um corpo de eternidade, conhecimento e bem-aventurança. Ele não tem começo, pois Ele é o começo de tudo. Ele é a causa de todas as causas.”

IMG_7144.JPG

image.jpeg

 

 

 

publicado por Lalanesha Dasa às 10:59

Intercâmbios
Este Album abaixo, esta para download gratuitamente é só clicar no ícone ( Lalanesha in Concert Mantras )